21 C
Quarai
7 de março de 2021

Sedentarismo cresce entre os gaúchos causado pela pandemia do coronavírus.

Mas o problema não está só nisso. O levantamento ainda mostrou que os exercícios físicos foram trocados por problemas como estresse, ansiedade e depressão. Aos que querem vencer esse quadro e perder peso, vale seguir as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para a prática de atividades físicas. Para ter sucesso no emagrecimento sem ter que mexer na alimentação é preciso 300 minutos, ou seja, 5 horas de exercícios semanais. Isso segundo estudo do professor de nutrição da Universidade de Kentucky, nos Estados Unidos, Kyle Flack. Para emagrecer é preciso gastar mais de 1 mil calorias por semana, energia máxima que o corpo pede como compensação calórica. E quanto mais nos dedicamos na malhação, maior é o gasto calórico global. Embora o estudo envolva uma mudança drástica, com pessoas saindo do sedentarismo para o hábito de treinar mais de três vezes por semana, a recomendação segue sendo aliar uma dieta equilibrada com exercícios físicos. O segredo é “caminhar” ou “correr” atrás do balanço calórico negativo.

 

Carregando...